capa-site1.jpg

DOI: 10.17648 / REVISTATKV - V2 N8 / ISSN : 2594-5203

EDITORIAL

 

Por Marcella de Oliveira e Valquiria Vieira

A oitava edição da Revista TKV - Poéticas e Políticas do Corpo é a terceira publicada durante a pandemia da COVID-19. Neste trágico período na crise sanitária de proporção global (KATZ, 2020), vivemos a estranheza da percepção temporal distorcida e do constante luto que nos golpeia sem trégua. Tudo isso, intensificado pela insegurança política e econômica, que escancara uma situação de instabilidade humanitária gravíssima em curso muito antes, precarizando e descartando os corpos de diversas maneiras. Nesse triste cenário, também vemos movimentos de luta e resistência, mesmo sem perspectivas promissoras pela frente. Fomos convocades a inventar novas formas de viver e criar, tornando o cultivo de estados corporais de presença um desafio diário, como estratégia de sobrevivência, mas também como uma escolha e, portanto, uma forma ativa de se adaptar. 


Atendendo ao chamado desta edição, os escritos se apoiam na temática presença. Propõem reflexões sobre os modos de criação e produção artística ao longo da crise sanitária, apresentando relatos de experiências e procedimentos que investigam saberes do corpo em arte. Contam-nos do corpo em confinamento no cotidiano, trazendo narrativas autobiográficas que investigam a relação com a gravidade, registros de práticas corporais que buscam desenvolver bem-estar e discussões sobre a ausência de contato humano. A ausência,  talvez, justifique a ânsia por tatear o que é possível sentir e descobrir na distância dos corpos, atualizando estados e qualidades de atenção que são esmiuçadas a partir de diversos conceitos e experiências corporais.


Apostamos na presença como condição indispensável para ler o mundo e agir nele com alguma autonomia, com condições de propor micropolíticas de transformação. 


Desejamos que essa leitura seja um convite à presença para resistir em tempos difíceis!